11.19.2015

Esconderijos para Gatos na Doença

trepadores e ginásios para gatos


Já falámos aqui de esconderijos dos nossos gatos e de como podemos criar lugares ou ter recursos para que se sintam seguros como caixas de cartão, de forma a que assim consigam lidar com elevados níveis de stress. Hoje aproveitamos para relembrar esta temática e falar sobre o comportamento do Preguiça que esteve doente (não se preocupem que já recorremos aos cuidados da Língua de Gato e o nosso gatarrão já resolveu os seus problemas).

Quando estão doentes os gatos tendem a procurar um sítio para se esconder, cá em casa a especialista nestes assuntos é a Leonor, por isso quando vimos o Preguiça a andar rápido, rente ao chão e a procurar esconderijos tivemos a certeza que algo estava errado com ele.

Estes últimos dias, o Preguiça passou-os debaixo de camas, em sítios muito altos (como o nosso trepador), dentro de armários, na caixa transportadora, etc.. Nestas alturas o ideal é deixá-los escolher o sítio, se for possível. Neste caso não podia deixar o Preguiça com acesso à casa toda mas tivemos que garantir que ele tivesse locais onde se sentisse seguro, até porque o nosso gato tem destreza suficiente para abrir portas.

Para verem como estava stressado o Preguiça, além de se recusar a deixar o seu sítio seguro para comer, se por algum motivo tinha que sair dele a sua respiração alterava-se e mal podia voltava a correr para o local de onde o tirámos.

Não se esqueçam que é preciso ter cuidado, porque com um gato tão assustado é fácil terem comportamentos mais agressivos. Atenção à linguagem corporal, sinais sonoros (bufar, rosnar) ou arriscam-se a levar umas dentadas ou arranhadelas.

Importa também referir que para nosso grande desgosto, nem sempre os nossos animais procuram conforto no nosso colo ou se sentem melhor por estarmos a fazer-lhes festinhas. Muitas vezes isto até poderá ser muito desconfortável. Tentem prestar atenção aos sinais que os vossos gatos vos dão e deem-lhes espaço caso seja disso que eles necessitam.



3 comentários:

  1. ainda bem que o gordo já está melhor :)
    beijinhos para ele!

    ResponderEliminar
  2. Obrigada por esta informação. É muito útil.

    ResponderEliminar